21/10/2009

Saudosas Bolachas (15/1972)

Pós Bossa, Pós tudo, pós…



MARCOS VALLE
“VENTO SUL” (1972)

Marcos Kostenbader Valle (Rio de Janeiro, 1943) é um compositor, cantor, pianista, arranjador, que surgiu no mundo musical no início dos anos 60 com um trio, de curta duração, formado por ele, Edu Lobo e Dori Caymmi.
Durante esta dėcada ele e seu irmão Paulo Sergio Valle formaram uma parceria que compos toadas como “Samba de Verão” e “Viola Enluarada”. Nos anos 70 seu trabalho sofreu influências do funk e”Mustang Cor de Sangue” e “Mais de Trinta” são sucessos desta fase.
Em 72 Marcos Valles gravava seu oitavo album, “Vento Sul” que traz uma musicalidade vibrante, balançada entre influências do jazz , do funk, do samba e bossas e do rock. A voz suave de Marcos e o vento sul de suas melodias surfando pelas ondas da MPB, com participação instrumental da banda o Terço.
“Vento Sul” (Marcos Valle/Paulo Sergio Valle)

“Vôo Cego”(Marcos Valle/Paulo Sergio Valle)




IVAN LINS
“QUEM SOU EU?” (1972)
Depois do sucesso inicial no V Festival da Canção com “O Amor ė Meu País” e com “Madalena” na voz de Elis Regina em 71; Ivan Lins, pianista e compositor carioca; em 72 lançava o seu terceiro disco com produção de Paulinho Tapajós. O disco “Quem Sou Eu?, seu ultimo disco pela Philips,define a musicalidade de Ivan Lins que transita pela elementariedade do jazz e o swingue do samba estilizado, longe das ruas, e que tem uma concepção própria do tempo em que foi criada e que estabeleceu um conceito musical na vertente musical dos anos 70.
No album ele ė acompanhado pela banda SQDQ (Seja o Que Deus Quizer).

“Cofre” (Ivan Lins/Ronaldo Monteiro)

“Sai de Baixo” (Ivan Lins/Ronaldo Monteiro)



ARTHUR VEROCAI

“ARTHUR VEROCAI” (1972)

Arthur Verocai (Rio de Janeiro, 1945) guitarrista, compositor, arranjador musical que surgiu no cenario musical no evento “MusicaNossa” que reunia novos musicos com influencias da Bossa Nova e do Jazz. Trabalhou tambem como arranjador e atuou em albuns de Jorge Ben, Ivan Lins , Gal Costa e Cėlia, entre outros.
Em 1972, sua gravadora a Continental produziu o seu primeiro album : “Arthur Verocai”.
Arthur grava um disco com composições, na sua maioria, em parceria com Victor Martins.
Reuniu musicos como Helio Delmiro, Robertinho Silva, Pascoal Meirelles, Paulo Moura, Nivaldo Ornelas e Toninho Horta, alėm de uma orquestra de 12 violinos, 4 violas e 4 cellos.
O album de Arthur transita com sonoridade tranquila e extremamente bem produzida. Transitando pelo jazz, pelo funk, pela toada, pelo canto da terra e com a cara e as cores de uma periodo importante e criativo da musica brasileira.

“Caboclo” (Arthur Verocai/Victor Martins)

“Sylvia”(Arthur Verocai)

2 comentários:

pituco disse...

paul,
postagem piramidal...como sempre.

irmão valle, ivan lins e arthur e victor martins...tudo é pós e não vira pó...música popular brasileira...genial

lembro-me que assisti pela primeira vez um show do ivan lins no teatro lídia alice em sampa(será que existe ainda)...a lucinha fazia percussão e vocais...tudo é muito vago na minha memória, pois nessa época era rato de shows,teatros,cinemas e sebos...hehehe

abraçsons pacíficos
ps.tem postagem sobre a joyce e donato lá no meu blog...passe por lá depois, por favor.

Paul Brasil (Paul Constantinides) disse...

pituco vc eh brother meu amigo.
valeu o seu comentario viu?
abs
paul